Mulheres empreendedoras: Kalpana Saroj

Compartilhe!

Mulheres empreendedoras: Kalpana Saroj

 

Na Índia, o sistema de castas define a hierarquia social no país. A classe mais baixa dessas castas, os Dalits, são considerados impuros e sofrem com a segregação social. (Apesar de atualmente, a divisão de castas ser proibida por lei, na prática ainda ocorre, principalmente nos vilarejos).

Kalpana Saroj nasceu em uma família da casta Dalit e tinha apenas 12 anos quando foi entregue para um casamento arranjado (o marido era dez anos mais velho). Ela era maltratada pelo cunhado e sofria abusos de diversas formas – físicos e verbais.

O começo

Então, ela retornou para a casa do pai. Começou a costurar e ganhar algum dinheiro. A vida, no entanto, continuava difícil. Naquela sociedade ultraconservadora, ela não era vista como vítima, mas como alguém que não servia ao marido e, portanto, não prestava, era uma fracassada.

Não suportando a pressão social e o preconceito, Kalpana tentou suicídio, ingerindo três garrafas de inseticida. Ela quase morreu, mas foi socorrida por uma tia e sobreviveu.

A virada

Aos 16 anos, Kalpana foi morar na casa de um tio para trabalhar como alfaiate e começou recebendo um dólar por mês para operar máquinas de costura industriais.

Nessa trajetória, a sua irmã ficou doente e foi quando ela percebeu que o dinheiro seria insuficiente para pagar um tratamento de saúde para sua irmã doente. Essa experiência a fez perceber que dinheiro importava sim e precisava ganhar mais.

Ela fez um empréstimo e começou um negócio de móveis e continuou dedicando ao negócio de costura. Contratou pessoas e o negócios começaram a crescer. Ela passou a ser respeitada, casou se de novo e teve dois filhos.

Mais tarde, com o dinheiro que ela estava começando a acumular, ela começou a dar micro financiamento para outros pequenos empreendedores locais. Esse negócio foi crescendo, ela continuou a multiplicar riqueza com pessoas ao redor dela, que ficavam cada vez mais gratas, com mais respeito, mais admiração, viam nela uma fonte de inspiração.

De excluída à multimilionária

Kalpana havia se tornando uma empreendedora bem sucedida e tão reconhecida, que chegou um ponto em que os trabalhadores de uma metalúrgica, a Kamani Tubes procuraram por ela, porque a empresa estava à beira da falência.

E então, ela assumiu o controle dessa empresa de mineração, fez uma restruturação completa e hoje é uma multimilionária, um grande sucesso na índia, responsável por gerar milhares de empregos. E mais, essa empresa contrata trabalhadores de todas as castas, sem preconceitos.

Inspire -se!

Para a sociedade, Kalpana estava destinada a uma vida de servidão e fracasso. Mas ela se recusou a aceitar o estigma e, apesar de todo sofrimento e adversidade, acreditou que a história da sua vida poderia ser diferente e fez acontecer.

Ela não somente mudou a própria história, como ajudou outras pessoas a superarem o preconceito, dando lhes oportunidades, seja através de empréstimos ou empregando pessoas.

Esperamos que a história de Kalpana inspire você a superar as dificuldades e acreditar que a história da sua vida pode ser diferente!

No Comments

Deixe seu comentário!