Como organizar as categorias e tags do seu Blog

Como organizar as categorias e tags do seu Blog

As categorias e tags servem para organizar as postagens do seu blog, deixá-las mais organizadas e acessíveis ao visitantes, porém é preciso ter cuidado na hora de usá-las a fim de evitar que seus leitores fique confusos ou que seu blog caia na malha fina de conteúdo duplicado.

Nessa postagem quero ajudar você a usar corretamente as categorias e tags e tirar o máximo de proveito delas para melhorar ainda mais a experiência do usuário ao navegar no seu blog e a indexação do seu blog nos mecanismos de busca. Vamos lá?

 

1 – O que são e para que servem as categorias

 

Categorias são como pastas que permitem que o conteúdo do seu blog fique organizado e acessível.  As categorias servem para:

  • Classificar os assuntos principais do seu blog;
  • Separar as postagens dentro dos assuntos relacionados;
  • Tornar a vida do usuário mais fácil ao navegar pelo seu blog;

2 – Quantas categorias devo criar?

categorias-e-tags

Quando o assunto é categoria, não há um número definido, mas sempre deve haver bom senso e contexto. O que ajuda muito na hora de criar suas categorias é ter definido o seu nicho, sobre o que você fala.

Antes de tudo, sobre o que você fala?

Antes de começar a criar categorias, tenha em mente os assuntos principais que aborda ou abordará no seu blog, pois do contrário você ficará tendenciosa a criar uma nova categoria cada vez que publicar um post novo.

Identifique seu nicho de atuação, veja quais assuntos são mais importantes dentro dele e depois com caneta e papel em mãos anote esses assuntos. Guarde para mais tarde essas anotações.

Menos é mais

Vamos supor que o seu Blog fala sobre o universo feminino e você criou a categoria MAQUIAGEM. Não é sábio, portanto,  criar a categoria BASES, só porque você escreveu alguns posts sobre Base. Se pensar dessa forma o seu blog vai virar uma bagunça, afinal o termo Base está dentro de um termo maior: MAQUIAGEM.

Uma opção é trabalhar com níveis de categorias, criando uma categoria filho. Para isso, basta na tela de criação de categorias, na hora de criar, digitar o nome a categoria e escolher uma categoria mãe para ela. No caso, vamos supor que vá escrever muitas, mas muitas resenhas sobre base, eu posso criar a categoria filho BASES, que ficará dentro da categoria mãe MAQUIAGEM.

 

3 – O que são e para que servem as tags?

categorias-e-tags-01

As tags são etiquetas e funcionam como subcategorias ou subpastas e servem também para organizar o conteúdo do seu blog e torná-lo mais funcional para o usuário.

Imagine as tags como uma ferramenta que ajuda o seu visitante a encontrar o conteúdo que ele busca com um menor esforço. As categorias são mais gerais, já as tags mais específicas.

Para entender melhor

Para entender melhor, vamos pegar aquele exemplo que usei no item 2, quando falava de categorias. Lembra da categoria MAQUIAGEM? Pois bem, esse seria o assunto mais geral, a pasta.

Já a tags que eu utilizaria para especificar esse conteúdo, ou seja as etiquetas, seriam: Base, base para pele oleosa, Revlon. Dessa forma o leitor saberia o que encontraria nesse post especificamente. Quando ele pesquisar no meu Blog ele vai achar aquilo que procura com mais facilidade.

Imagine as categorias como a seção de iogurtes do supermercado. Imagine as tags etiquetas específicas de cada iogurte, como tipo por exemplo: grego, sem lactose, sem açúcar. As tags nos fornecem alguns detalhes.

4 – Quantas tags devo colocar em cada postagem?

Nunca sobrecarregue um post com tags e nem sobrecarregue o seu blog com tags. Imagine uma nuvem de tags com tantas, mas tantas tags que fica impossível localizar alguma coisa?  Muitos blogs ainda fazem isso, passando uma imagem de desorganização e atrapalhando a navegação.

A sua preocupação deve ser sempre com o usuário, no sentido de facilitar o acesso à informação em seu blog. Muitas tags  podem deixar o seu leitor confuso, além de serem, claro desnecessárias. Coloque no máximo cinco tags por post, eu uso três por padrão e não costumo ultrapassar as cinco tags.

5 – Uma TAG pode virar categoria?

Vamos supor que a assunto SEO aqui no Emprelas começou a comportar um número grande de posts e e para sinalizar isso estou usando a categoria PARA BLOGS e a tag SEO.

Mas eu estou tratando subtemas muito específicos e esses subtemas deveriam figurar como TAGs , o que significa que minha tag SEO deveria ser promovida para categoria, devido à quantidade de postagens específicas que pedem mais marcadores específicos. É possível fazer isso rapidinho nos eu WordPress.

6 – Um post pode estar em mais de uma categoria ao mesmo tempo?

categorias e tags

Poder até pode, mas não deve. É como se você quisesse estar em dois lugares ao mesmo tempo. Imagine a categoria como um documento de papel. Você poderia colocar o mesmo documento em duas pastas ao mesmo tempo? Claro que não! A não ser que você faça uma cópia.

No caso de uma postagem, ter o mesmo post em duas categorias diferentes faz com que incorramos num erro gravíssimo: Conteúdo duplicado. Péssimo para os robots do Google, que podem empurrar o seu post para as últimas páginas fazendo com ele não seja encontrado quando alguém pesquisar no Google.

Eu lembro que já vi Blogs famosos que na tentativa de organizarem seu conteúdo criaram uma categoria maior, com o nome ASSUNTOS, por exemplo (esse não era o nome rsrs) e nela colocaram todas as categorias do blog. Essa foi a tentativa de criar um menu. Um tentativa péssima.

7 – O que não fazer

Quando for organizar as categorias e tags do seu blog tenha sempre em mente o que não deve ser feito:

  • Abusar do número de categorias;
  • Colocar o mesmo post em mais de uma categoria;
  • Abusar das tags;
  • Deixar categorias que contenha uma ou duas postagens (melhor usar as tags para classificar);
  • Ao configurar para SEO (eu uso o YOAST SEO para isso) escolha ou categorias ou tags para indexar, isso evita que você seja penalizado por conteúdo duplicado.

Espero que tenham gostado das dicas e que as mesmas possam ajudar você a deixar o seu blog mais organizado. Compartilhe essa postagem! Grande abraço!

 

 

 

2 Comments

  • Reply Isabel Borgert agosto 27, 2017 at 12:14 pm

    Este post veio de encontro a algumas dúvidas frequentes que tenho.
    Vou voltar aqui muitas vezes para me orientar por ele.
    Beijo grande bom domingo!!

    • Reply Daniele Leite agosto 29, 2017 at 8:34 pm

      Fico feliz que meu post esteja ajudando. A intenção foi justamente essa. Categorias e tags costumam gerar muita confusão hehe. Organiar direitinho faz toda diferença! Bj!

    Deixe seu comentário!